22 de abr de 2013

Prisoner Capitulo 8


POV Justin
E de repente eu senti uma vontade incontrolável de beija-la enquanto ela jogava todo seu pranto pra fora descontando tudo em mim,e o pior de tudo que ela tem razão,eu sou da pior espécie,mas eu não quero mudar,porque sendo da pior espécie,sendo insensível,eu nunca vou me machucar em nada sentimentalmente,eu quero amar,eu não quero ser bom,porque quando se ama e quando se é bom você só se fode,hoje em dia ser bom não te ajuda em nada,você sempre sai machucado,eu não sou bom porque não me ensinaram a ser,sempre me ensinaram e ser esperto,a ser ágil em nunca deixar as pessoas pisarem e mim,e eu nunca deixei,eu piso nelas,e piso em quem ousa passar pelo meu caminho,porque foi isso que meu ensinou “seja ágil,seja frio,calculista,se preciso,seja mau”,isso era tudo o que ele me dizia.
Quanto mais meus lábios estavam nos dela mas eu sentia vontade de tê-la pra mim,era uma sensação estranha,era como se eu não quisesse que ela fugisse de meus braços,seu beijo  era incrivelmente gostoso,ela tentava fugir de mim,ela tentava parar o beijo mas simplesmente não conseguia porque era fraca,eu a prendia em meus braços,então ela fez o mesmo que havia feito há um tempo atrás,ela mordeu minha língua,me fazendo gritar enquanto ela se afastava de mim.
Jenna:POR QUE FEZ ISSO?-disse do outro lado do escritório-
Eu coloquei a mão na boca tentando amenizar a dor,agora eu tinha mais raiva do que nunca.
Justin:Eu podia...eu podia te dar uma boa surra agora vagabunda!
Olhei para ela com raiva enquanto ela quase chorava de medo.
Eu me aproximei,e conforme eu chegava mais perto ela se afastava.
Jenna:Por favor não me bata,me desculpa!
Ela agora estava encurralada na parede, possuída pelo medo.
Eu tirei a mão da boca,que não estava sangrando pra minha sorte,da outra vez ela quase arrancou um pedaço da minha língua.
Justin:Daqui a pouco eu não vou ter mais língua!
Jenna:Desculpa!
Justin:Desculpas não irão adiantar!
Jenna:Eu te imploro não me bata!
Eu não respondi nada,mas eu tinha vontade de dar uns bons tapas na cara dela,mas a vontade de beija-la era muito maior,aqueles olhos amedrontados,aquela boca tremula,ela estava morrendo de medo de mim,me aproximei mais dela,colocando minhas mãos de cada lado da parede a deixando encurralada em meus braços,ela olhou para cada lado vendo que estava presa e depois me encarou.
Justin:Você é uma idiota,morre de medo de mim!
Jenna:E não é pra ter medo?
Justin:Eu sei que eu não sou nenhum anjinho!
Jenna:Ta mais pra capeta!
Justin:Eu sei!
Jenna:Vai me bater?
Justin:Minha mão ta coçando pra fazer isso!
Ela se apavorou novamente.
Justin:Mas eu não vou fazer,porque tem coisa melhor que bater!
Era como se seus olhos perguntasse, ”o que?”
Jenna:Por favor não!
E aos poucos eu fui aproximando meu rosto do dela,eu estava estranhando a minha atitude,porque eu estava fazendo rodeios pra beijar uma mulher?Eu nunca fui assim,eu vou logo ao ponto e pronto,talvez seja porque a Jenna é uma garota medrosa,mas tem um medo dela especifico,o medo de mim,eu dou medo nela,eu dou medo em todo mundo.
Eu percebi que estava sendo calmo demais,e ela esperava que eu a beijasse, mas eu não fiz isso,eu recuei,pela primeira vez eu recuei, o que estava acontecendo comigo?
Ela me olhou sem entender.
Jenna:Você que é um idiota!
Justin:Sou por ter tentado fazer isso,você não veio pra ca pra ser tratada bem,você não veio pra ca só pra me satisfazer,então sai daqui,eu não quero mais ver a sua cara hoje,sai daqui Jenna,tem um cara te esperando no quarto 9,vai agora e satisfaça-o!
Eu disse autoritário e serio,eu não posso dar a ideia que eu possa estar sentindo alguma coisa por ela,ate porque não estou,e nunca vou sentir nada,nem por ela e nem por ninguém.
POV Jenna
A bipolaridade dele me assustada,a minutos atrás ele parecia ser um cara apaixonada prestes a beijar sua amada,ele é um idiota mesmo,se faz de durão mais no fundo é todo molinho,todo sentimental,mas ele não mostra essa parte dele,mas eu juro,que vou fazer ele mostrar,eu vou conseguir fazer ele mudar.
Estava me direcionando ao quarto 9 onde Justin disse que tinha um cara,eu estava começando a tremer,eu não queria transar com outro cara que mal conheço,não tinha ninguém no corredor e eu podia muito escapar dali,mas se eu fizesse isso iam me perseguir ate me achar,então pensei melhor não,achei o quarto 9 mas quando ia entrando no mesmo ouvi a voz de alguem me chamar,olhei e la estava Jeremy no final do corredor,com aquele expressão maldosa.
Jeremy:Vem aqui garota!
Fui meio receosa,cheguei ate ele e ele só me encarou de cima abaixo.
Jeremy:Vou precisar de você hoje!
Jenna:Pra que?
Jeremy:Não interessa,vou precisar e pronto,as 10 esteja no seu quarto!
Jenna:Eu não tenho quarto!
Jeremy:Mas hoje vai ter,toma!-disse me dando uma chave que tinha o numero vinte no chaveiro-É o vinte,depois de satisfazer o cliente vá para la e fiquei ate segunda ordem!-disse serio e saiu-
Eu fiquei me perguntando,sera mais um querendo abusar de mim?Esse lugar estava se tornando um inferno,eu quero voltar pra casa,pra minha família,eu não aguento mais ficar presa aqui.
Me direcionei novamente para o quarto 9,abri a porta e me deparei com um cara tomando champanha(ou champanhe),tinha cabelos grisalhos,aparentava uns 47 anos,estava bem vestido,e assim que eu cheguei ele me notou e me avaliou de cima  a baixo.
-Você é a garota?-perguntou interessado.
Jenna:É o obvio!
-Estressada?
Jenna:É o que parece?
Ele sorriu.
-É dessas que eu gosto!
Disse se levantando da cama e vindo ate mim com aquele olhar malicioso,ele me encostou na parede e tirou os trapos que eu vestia rapidamente me deixando seminua,me beijou de maneira inesperada o que me fez sentir vontade de fazer o que eu faço com Justin quando ele me beija a força,morder a língua dele,mas ele é um cliente e eu não posso fazer isso.
Eu me sentia uma verdadeira vadia deixando que ele fizesse aquilo comigo,eu me sentia um lixo,me sentia um nojo,isso tudo é culpa minha,tudo que eu to passando é culpa minha,e também é culpa dele que acabou com a minha vida,destroçou todos os meus sonhos,eu o odeio,eu o odeio o Justin e juro que vou fazer ele pagar por tudo o que eu estou passando,vou fazer ele pagar com a mesma moeda,eu vou acabar com a vida dele,eu vou acabar com ele,vou fazer ele se sentir um lixo assim como eu estou me sentindo,eu vou ensina-lo a nunca mais destruir a vida de alguem,e ele vai aprender com a vida dele sendo destruída.
[...]
Eu estava cansada,aquele cara era muito violento e eu estava toda dolorida,quase nem conseguia andar direito,eu estava acabada,fraca,com fome,sem roupas,eu chorava,chorava por não ter a minha mãe aqui comigo me abraçando e dizendo que está tudo bem,as vezes eu penso que nunca mais vou poder vê-la,eu sinto falta dela.
Me cobri com um lençol era a única vestimenta que me restava naquele quarto,o velho já tinha ido embora e deixado uma boa quantia em dinheiro na cama,me enrolei com um lençol e fui ate a porta do quarto,coloquei a cabeça para fora para ver se tinha alguem no corredor,mas não tinha ninguém,ate que vi Thomas passando por um outro corredor,mas ele me notou e cortou o caminho vindo ate mim.
Thomas:Ta precisando de alguma coisa?
Jenna:Sim...de roupas,comida,agua,estou faminta e com sede!
Thomas:É pelo visto você não é independente como as outras garotas que são trazidas pra ca!
Jenna:Não mesmo,eu não sei de nada daqui,nunca me disseram nada desde que eu cheguei!
Thomas:Pelo menos sabe em que pais estamos?
Neguei com a cabeça.
Jenna:Você vai me dizer?
Thomas:Você esta bem longe de casa Jenna,estamos na Rússia!
Meu coração quase parou ao ouvir ele dizer “Estamos na Rússia” eu nunca ia conseguir sair daqui.
Jenna:Ru-russia?
Thomas:É isso mesmo!
Meus olhos humedeceram ao saber que eu estava tão longe de casa e que talvez nunca mais conseguisse voltar.
Thomas:Não chora,eu juro que se pudesse te tirar daqui te tiraria,mas atrapalharia todos os negócios do meu pai,e eu ultima coisa que eu quero é prejudica-lo!
Jenna:Mas isso é crime,vocês traficam gente!Sabe a gravidade disso?
Thomas:Sei,sei muito bem,mas são eles que traficam,o Justin e o meu pai,não eu,eu só fico aqui porque não tenho pra onde ir!
Jenna:Você poderia muito bem ir viver a sua vida longe deles!Você também esta se prejudicando sabia?
Thomas:Eu sei,mas eles são minha família!
Esse cara era muito parecia muito boa pinta pra não ter entregado tudo isso aqui a policia,ele parece ser bom,mas não honesto,se fosse não deixaria que o pai e o irmão traficassem garotas.
Jenna:Pode me dar roupas?
Thomas:Claro,acho que tem umas em um armário que tem ai dentro,deixa eu ver!
Ele entrou no quarto e foi ate um armário,eu sentei na cama enquanto o observava procurando as roupas,ate que ele virou com uma peça e se sentou ao meu lado.
Thomas:Acho que essas servem em você,depois daqui eu posso te dar algo para...-de repente Justin apareceu na porta gritando feito um louco-
Justin:QUE PUTARIA É ESSA AQUI?
Olhei para ele que parecia estar furioso.
Justin:JENNA VOCÊ É UMA VADIA!!!
O que?Ele estava pensando que eu tinha...ah meu Deus ele só pode ser demente,tudo bem,mas...se eu entrasse num quarto e visse uma garota enrolada apenas num lençol e ao lado um homem claro que eu ia pensar besteira.
Ele veio pra cima de Thomas desferindo socos nele,agora ele parecia não ter medo dele,pegou Thomas pela gola da camisa e o derrubou no chão de forma incrivelmente rápida dando chutes e socos nele,esse cara tinha o dom de bater,Thomas não tinha como se defender pois foi pego de surpresa,mas conseguia fazer com Justin caísse no chão e revidou da mesma forma,dando chutes e socos,os dois sangravam e eu gritava para que parassem.
Tomei coragem e fui pra cima fazendo com que eles se separaram,me coloquei entre eles que estavam quase explodindo de raiva,estavam vermelhor como tomate,se olhavam com ódio que eu nunca vi antes.
Jenna:POR FAVOR NÃO FAÇAM ISSO!!!
Olhei para Justin que estava todo machucado no rosto,ele me olhava com ódio e quando eu menos esperei a mão pesada dele estava na minha cara.
Justin:Vagabunda desgraçada!!-disse por fim e saiu-
Com a força do tapa dele eu cai no chão em seguida começando a chorar,eu vim pra ca só pra sofrer,só pra apanhar na cara,eu sou uma idiota,eu mesma estou acabando com a minha vida.
Thomas:Jenna...-se abaixou ao meu lado-
Jenna:Sai daqui Thomas,por favor sai daqui!-disse calmo,ele me olhou com dó e saiu-
Então a partir do momento que eu fiquei sozinha comecei a chorar e gritar de raiva e dor,não dor material,mas sim dor sentimental,como ele podia ser tão cruel comigo?E como eu posso amar um monstro como ele?
CONTINUA...
Divulga no tt pls?>>>>

Pronto ae amores,não postei antes pq tava sem net,mas ta ai,espero que tenham gostado,ah e só mais uma coisa,vcs que leem as outras fics que eu posto aqui comentem por favor,ficarei muito feliz se fizerem isso,só estou esperando os comentarios de vcs pra mim continuar!Continuo com 18 comentarios,ps:sem comentarios anonimos repetidos pela mesma pessoa!Bjss amo vocês!by@isexykidrauh

12 comentários:

  1. Primeira???sera?nao sei,mas vamos la!parabenss ta muito boaa como eu sempre digo ahhahaha ta muito demais,ta perfeita!!C o n t i n u a @jerrysmytoy aqui

    ResponderExcluir
  2. Ai mds. Que perfeição. Eu AMOO essa IB,demais demais. O Justin tá apaixonado gente,que bonitinho kkkk. Amei o capitulo. Jus ciumento fica bravinho demais kkkkkk. Faz ele ser um pouquinho fofo com a Jenna ? Só um pouquinho ? Por mim please kkkk.
    Por um minuto eu pensei que o Thomas fosse tentar abusar dela,depois que ele entrou no quarto u.u
    kkkk ;3 Continuua loogo tá. Me avisa quando postar Bjo bjo.

    ResponderExcluir
  3. Perfeito! Esse Justin é bipolar viu pq.... ! Olha se eu vc essa Jenna metia a mao na cara do Jus (teria cuidado para nao desformar aquele rosto perfeito, aquela pele de bb)!! Anjo eu nem percebi que nao comentei no cap passado.... me desculpa! Amando sua IB! @AnaJubiebs (Aninha)

    ResponderExcluir
  4. AHH O JUSTIN AMA ELA....OOH OS CIUMES A VISTA

    Coontinua amoore

    @swagbiebs__

    ResponderExcluir
  5. cara, ta perfeito demais, justin com ciúmes a+
    @ourwishdrew

    ResponderExcluir
  6. OMG OMG OMG OMG OMG! O Justin com ciúmes é um máximo KKKKKKKKKKK. Gente do céu! mais assim, é muita mancada ele bater nela :'( tadinha .. ela não merece isso .. mais to vendo que isso ai vai dar um romance aushuasuash continua logo amore eu estou SUPER curiosa, bjssssss <3

    ResponderExcluir
  7. kraaaaaaaa vc é uma diva pqp
    se é demais *-*
    coitada da jenna, plmdd
    justin mal é muito daora :9
    JKHSAJKSHAJH
    continua logo sua diva :*
    tá prfto.
    @_jumagrini

    ResponderExcluir
  8. Ta muuuito perfeito, continuaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  9. tá muito boa,tô amando!Continua logo!
    Bjs,@AnaSaviaL

    ResponderExcluir
  10. OH MY GOD QUE PERFEITTO ESSA IB É MUITO CRIATIVAAA VEEY CONTINUAA PLIS ><

    ResponderExcluir
  11. Foi mal não comentar no capítulo anterior, eu me mudei daí fiquei sem net...
    Que peeeerfeito! Mds, estou apaixonada haha continua <33

    ResponderExcluir